Promoção!

O Grande Pagode

16.50 14.85

Quando um país está à venda, uma vida pouco vale. Uma nova investigação de Marcelo Silva.
Autor: Miguel Szymanski | Editor: Suma de Letras
Tema: Policial | Edição: Junho 2020 | ISBN: 9789896658779

Sinopse:

Ancorado no rio Tejo, entre a Trafaria e Belém, o iate de um bilionário chinês é o principal tema de conversa em cafés e nos corredores do poder. O acordo histórico que Portugal está prestes a assinar com a China ameaça tudo e todos: do meio ambiente à liberdade, dos habitantes dos bairros clandestinos na margem sul aos políticos que se opõem à hegemonia de Beijing.

A maior resistência vem da CliMax, um pequeno grupo de ambientalistas radicais.
De regresso a Portugal, fragilizado por meses de solidão e uma crise emocional, Marcelo Silva só pensa em refazer a sua vida.
Mas, sem perceber como, acaba, em poucos dias, por se ver envolvido na série de crimes que ameaçam a sua existência.

Enquanto a rede lançada sobre o país se fecha, todas as peças em jogo se movem para defender os seus poderes. Um livro desaparece de circulação. Uma ministra torna-se vítima de chantagem. e um homem aparece morto numa praia de Sintra.

Descrição

Detalhes sobre o produto:

  • Título: O Grande Pagode
  • Autor: Miguel Szymanski
  • Tema: Policial
  • Idioma: Português
  • ISBN: 9789896658779
  • Editora: Suma de Letras
  • Edição: Junho 2020
  • Tipo: Livro
  • Nº de Páginas: 224
  • Capa: Capa Mole
Envio em 24/48 horas após confirmação do pagamento – Portes gratuito

Sobre o Autor:

Miguel Szymanski nasceu em Faro em 1966. Estudou Economia, Direito e Literaturas Modernas. Escritor e jornalista, trabalha na Alemanha e em Portugal, é comentador da RTP e participa no programa Mundo sem Muros da RTP Internacional.
Começou a trabalhar no Goethe-Institut no início dos anos 90. Iniciou-se no jornalismo na imprensa económica. Em Portugal, trabalhou para a Grande Reportagem, O Independente e o Expresso. Foi editor da revista GQ e cronista do Diário de Notícias. Durante a crise, regressou à Alemanha, publicou as suas crónicas no diário Die Tageszeitung de Berlim e foi redator da revista Öko-Test em Frankfurt.
É hoje correspondente do semanário Der Freitag e do jornal Portugal Post e comenta também o que se passa em Portugal para várias televisões e rádios na Alemanha e na Áustria.
Em Portugal, publicou o seu primeiro livro, O Economista Acidental, em 2010. Na Alemanha, escreveu Ende der Fiesta [Fim da Festa] em 2014.