Descontos em todos os livros!

Selected:

Wellington, Spínola e Petraeus

18.90 16.07

Promoção!

Wellington, Spínola e Petraeus

18.90 16.07

Sinopse:

Aos Generais Wellington (no século XIX), Spínola (no século XX) e Petraeus (no século XXI) foi pedido que invertessem o rumo de situações de guerra muito difíceis. Todos perceberam que as soluções exclusivamente militares não serviam.
Wellington, na Guerra Peninsular (1808-1814), estabeleceu uma rede permanente de relações com os governos de Portugal (em Lisboa e no Rio de Janeiro), Espanha e Grã-Bretanha. Procurou soluções nas finanças, na diplomacia, no relacionamento com as populações e recorreu a todas as forças ao seu dispor, das guerrilhas às regulares.
Spínola, Governador e Comandante-Chefe na Guiné-Bissau (1968-1973), deu extrema importância aos instrumentos de governação civil e pôs as Forças Armadas, além de combater, a colaborar no desenvolvimento económico e social.
Petraeus, no Iraque e depois no Afeganistão (2007-2011), desenvolveu a sua estratégia «Anaconda», que envolvia linhas permanentes de ação civil e militar, e partilhou a sua liderança com diplomatas e gestores.

Envio em 24 Horas.

Descrição

Sinopse:

Aos Generais Wellington (no século XIX), Spínola (no século XX) e Petraeus (no século XXI) foi pedido que invertessem o rumo de situações de guerra muito difíceis. Todos perceberam que as soluções exclusivamente militares não serviam.
Wellington, na Guerra Peninsular (1808-1814), estabeleceu uma rede permanente de relações com os governos de Portugal (em Lisboa e no Rio de Janeiro), Espanha e Grã-Bretanha. Procurou soluções nas finanças, na diplomacia, no relacionamento com as populações e recorreu a todas as forças ao seu dispor, das guerrilhas às regulares.
Spínola, Governador e Comandante-Chefe na Guiné-Bissau (1968-1973), deu extrema importância aos instrumentos de governação civil e pôs as Forças Armadas, além de combater, a colaborar no desenvolvimento económico e social.
Petraeus, no Iraque e depois no Afeganistão (2007-2011), desenvolveu a sua estratégia «Anaconda», que envolvia linhas permanentes de ação civil e militar, e partilhou a sua liderança com diplomatas e gestores.

Sobre o Autor:

Nuno Lemos Pires é Coronel de Infantaria/Operações Especiais, Diretor de Formação na Escola das Armas e Professor de História, Defesa e Relações Internacionais na Academia Militar. Participou em missões em África, no Paquistão e Afeganistão. Tem quatro obras publicadas, 50 artigos e 30 capítulos em livros, escritos nas línguas portuguesa, inglesa e espanhola.

Detalhes sobre o produto:

  • Título: Wellington, Spínola e Petraeus – O comando holístico da guerra
  • Autor: Nuno Lemos Pires
  • Tema: História em Geral
  • ISBN: 9789898529190
  • Editora: Nexo Literário
  • Edição: Julho 2014
  • Nº de Páginas: 436
  • Tipo de Encadernação: Capa Mole
  • Idioma: Português
Close Menu
×

Cart